28.9.09

O morro dos ventos uivantes.

"Na escuridão, consegui ver um rosto de criança olhando pela
janela. Então, o meu terror transformou-se em crueldade. Face
à :, impossibilidade de me libertar daquela criatura,
agarrei-lhe o pulso e rocei-o no vidro partido até o sangue
começar a escorrer, acabando por molhar os lençóis. Porém, a
estranha visão continuava a gemer «_Deixe-me entrar!»,
agarrando-se a mim com tal tenacidade que quase me enlouquecia
de pavor.
«_Como...?!» disse-lhe então. «_Larga-me, se queres que te
deixe entrar!»
Assim que os seus dedos se soltaram, retirei rapidamente a
minha mão e comecei a empilhar livros e mais livros contra a
janela, tapando os ouvidos para não ouvir mais os seus
lamentos.
Devo ter permanecido assim por mais de um quarto de hora.
Porém, mal os destapei, logo o choro triste e dolente
recomeçou.
«_Vai-te!» gritei. «_Nunca te deixarei entrar, nem que
implores durante vinte anos».
«_Vinte anos» lamentou-se, «_Há vinte anos que ando a
penar!"
(ps: Acho que estou um pouco viciado nesse livro)

3 Comentários:

Gabi ~ disse...

ah, eu to louca p. ler esse livro, cara *-*

eu amei o post que você fez p. mim *-*
muuuuuuito obrigada mesmo, mesmo.
citei seu blog no meu post, também =)

adorei o novo layout :)

beeeijos!

Gley disse...

PEDRO ME EMPRESTA?
tipo eu nunca ouvi falar desse livro...
agora estou na luta e com dó
de acabar com o último livro
de Harry Potter ://
(sou viciado)
pedro... me adc no msn?
erejanu@hotmail.com

jadeamorim.com disse...

O livro é o morro dos ventos uivantes?
Não consegui ligar o nome a pessoa... rs
Adorei, macabro e cruel, perfeito!! =D


Beeijos!